sábado, 30 de dezembro de 2017

Adeus a 2017, nos novos velhos trilhos de Montachique...

Em Março de 2013 comecei a caminhar com os "Novos Trilhos", quando possível. Mas o grupo já existia ... e tinha começado as actividades no mítico Cabeço de Montachique. Agora, no adeus a 2017 ... os novos trilhos voltaram aos velhos trilhos.
Parque do Cabeço de Montachique, 30.12.2017, 9h30
Antes das nove da manhã estávamos no Parque Municipal do Cabeço de Montachique, prontos para uma jornada por trilhos já muito batidos pela maioria dos presentes, mas nem por isso menos apreciados, sempre ao sabor do muito convívio e das muitas brincadeiras que são, também, a imagem de marca da grande família caminheira que são os "Novos Trilhos".
O percurso foi um misto de várias anteriores caminhadas nesta zona saloia. Primeiro rumo ao Forte de Ribas, seguiríamos para Casainhos e para Salemas e a sua gruta. O ponto mais a sul foi o Alto da Toupeira, para então rumarmos ao Cabeço de Montachique, pelo Moinho dos Valérios e o alto do Brejo.

Sobre Ribas de Cima
Forte de Ribas
Vultos no nevoeiro...
Cabeço de Montachique à vista
A caminho da gruta de Salemas
Subida de Lousa ao Moinho dos Valérios ...
... e ao Cabeço de Montachique
Panorâmica do Cabeço de
Montachique para norte
Contornámos o Cabeço de Montachique pela face norte e rumámos ao velho Sanatório Grandella. O fantasma dos Makavenkos voltou a não se manifestar. Querem saber esta e a restante história daquele imponente edifício? Resumi-a na crónica da longa jornada da Bobadela a Montachique, em Janeiro.

Descida do Cabeço de Montachique,
que contornámos pela face norte
Sanatório Grandella ... ou o "Palácio" dos Makavenkos
Restava o Forte do Mosqueiro, já quase de regresso ao Parque Municipal. E quinze minutos depois das três da tarde tínhamos completado 20 quilómetros pelos velhos trilhos de Montachique, mas que são sempre diferentes, são sempre ... Novos Trilhos.

Forte do
Mosqueiro
E, atravessando o "bosque dos druidas" ... estávamos de regresso ao Parque de Montachique
E assim terminámos 2017. "Por fragas e pragas..." ... que o Novo Ano de 2018 traga Saúde, Paz, Fraternidade, Amor ... ingredientes essenciais para a Felicidade. FELIZ ANO NOVO para todos!
Ver o álbum completo

1 comentário:

Raul Branco disse...

Esta caminhada trouxe-me à memoria, muitos dos locais que por aqui percorri, organizados pelo Professor Manuel Silva, da câmara de Loures. Callixto espero que os anos vindouros tenhas muita saúde para continuares caminhando!"Eu,foi chão que já deu uvas",agora vivo das recordações. Um grande abraço.